Imprimir esta página   Enviar esta página por e-mail   Consultar estatística do site   Contactar serviços
Flash Menu Placeholder.





















As minhas sugestões
As minhas sugestões As minhas sugestões PDF

A Póvoa de Varzim e a Grande Guerra
A Póvoa de Varzim e a Grande Guerra A Póvoa de Varzim e a Grande Guerra

Guia <b>501 filmes para ver durante a vida</b>.    Última versão
Guia 501 filmes para ver durante a vida. Última versão Guia <b>501 filmes para ver durante a vida</b>.    Última versão PDF

online:
hoje: 56 
ontem: 337 
este mês: 17182 
este ano: 75866 
total: 1592491 
último:
 
>
história local > personalidades > Abílio Garcia de Carvalho
Abílio Garcia de Carvalho : ex-Autarca [18/07/1890 - 26/01/1941]

Abílio Garcia de Carvalho : ex-Autarca [18/07/1890 - 26/01/1941]

Abílio Garcia de Carvalho : ex-Autarca [18/07/1890 - 26/01/1941]

Abílio Garcia de Carvalho : ex-Autarca [18/07/1890 - 26/01/1941]

[ Toponímia ]

[ + personalidades ]

 
Biografia
Dr. Abílio Garcia de Carvalho Nasceu em S. Tiago de Mouquim, Vila Nova de Famalicão, em 18 de Julho de 1890 e faleceu em 26 de Janeiro de 1941, na Casa de Santa Maria e, Vila Nova de Famalicão.
Católico fervoroso, já quando estudante universitário foi um dos fundadores do Centro Académico de Democracia Cristã, na cidade do Porto.
Formado em Medicina pela Faculdade de Lisboa, em 1917.
Aqui na Póvoa se dedicou de alma e coração a obras de carácter social segundo o espírito das Encíclicas papais.
Foi um dos fundadores do Escutismo Católico na nossa terra, em 1923 (chegou a ser Comissário Nacional dos Escuteiros Marítimos), e do Secretariado Nacional do Apostolado dos Doentes, com sede na Póvoa, e serviu dedicadamente a nossa Associação dos Bombeiros Voluntários, em cujas instalações se ostenta o retrato deste seu grande benemérito.
Foi médico municipal e médico escolar no Liceu Nacional de Eça de Queirós, desta vila tendo apresentado uma tese de concurso a este último lugar.
Foi, na nossa terra, (…) Presidente da Comissão Concelhia da União Nacional (na altura em que se pugnava pela construção dos molhes do Porto de Pesca, pela conclusão do qual sempre e muito se interessou) e depois Presidente da Câmara Municipal, de 19 de Fevereiro de 1937 a 18 de Janeiro de 1940, tendo-se debruçado generosamente sobre os problemas dos pobres, dos operários e das crianças. Aqui fundou a “Casa Poveira da Acção Social” com uma “Cozinha Económica”, um “Lactário (de S. Tarcísio)” e o “Patronato de S. José”.
Durante o seu mandato na Presidência da Câmara, publicou dois relatórios das suas gerências, intitulados: “Seis meses de administração municipal”, 1937 e “Dois anos de administração municipal”, 1939, que documentam bem a sua actividade e dinamismo à frente dos destinos do nosso Município, sendo também da sua autoria um pequeno opúsculo – “Política do Estado Novo na Póvoa de Varzim”, 1936.
A Póvoa deve-lhe a resolução do grande e importantíssimo problema do abastecimento da água, que passou a ser captada no rio Ave (…).
Lutador voluntarioso e infatigável propulsionador do progresso desta sua terra adoptiva, aqui abalou a sua saúde, sacrificando até as horas das refeições e do necessário repouso físico a um labor constante, sempre aspirando a elevação da Póvoa. (…)
Em sessão camarária de 18 de Junho de 1940 foi-lhe concedida a “Medalha de Reconhecimento Poveiro” de primeira classe – ouro (…) por aprovação unânime.

Idea Nova – Dir. Manuel Faria Gonçalves. Póvoa de Varzim: Livraria Povoense, Ano VIII, nº 387 (1 Fev 1941), p. 1 e 6.
BARBOSA, Fernando – Toponímia da Póvoa de Varzim. Póvoa de Varzim Boletim Cultural. Póvoa de Varzim: Câmara Municipal, Vol. XI, nº. 1 (1972), p. 315-319.


 












Repositório Digit@l  João Francisco Marques
Repositório Digit@l
João Francisco Marques
Repositório Digit@l  João Francisco Marques



Repositório Digit@l  ROCHA PEIXOTO
Repositório Digit@l
ROCHA PEIXOTO
Repositório Digit@l  ROCHA PEIXOTO

saber mais
saber mais saber mais

biblioteca | início  
...
  Câmara Municipal da Póvoa de Varzim
 
. | . | .

[ (c) 1995-2016 Biblioteca Municipal Rocha Peixoto - Póvoa de Varzim ]